Tráfego orgânico, tráfego pago, SEO – você sabe a importância deles para a evolução do seu negócio?

  • Home
  • Tráfego orgânico, tráfego pago, SEO – você sabe a importância deles para a evolução do seu negócio?
Tráfego orgânico, tráfego pago, SEO – você sabe a importância deles para a evolução do seu negócio?

Tráfego orgânico, tráfego pago, SEO – você sabe a importância deles para a evolução do seu negócio?

Como fazer tráfego orgânico com SEO

tráfego orgânico corresponde às visitas às páginas na internet que acontecem de forma espontânea, sem ter anunciado. Isso acontece, normalmente, por meio dos sites de pesquisa, principalmente o Google. Uma das grandes vantagens do tráfego orgânico está justamente no fato de não precisar ter gastos adicionais.

É aí que ganham força as técnicas e estratégias SEO (Search Engine Optimization), para otimização dos mecanismos de busca. Elas servem para que o seu site seja encontrado mais facilmente pelo Google. É a base do tráfego orgânico, afinal de contas, transforma o conteúdo em cliques reais. Essas estratégias envolvem o uso de palavras-chave escolhidas e usadas de maneira inteligente, relacionadas ao seu negócio e ao seu público, com bons números de pesquisa.

É sempre importante lembrar que SEO não envolve o maior número de palavras-chave, mas sim palavras que dão resultados.

Você já usa as técnicas de SEO no seu negócio? Quer saber mais e melhorar a sua aparição nas principais ferramentas de busca?

Tráfego orgânico ou pago?

Se você deseja que sua empresa seja encontrada rapidamente e esteja nas primeiras páginas de pesquisa do Google, precisa entender os mecanismos disponíveis, analisar qual é mais adequado para seu negócio e, principalmente, suas possibilidades de investimento. E claro, a Drac.co pode te ajudar!

Primeiramente, vamos entender a diferença básica entre cada um deles.

O tráfego orgânico significa não ter um custo direto. Claro que é necessário um investimento em produção de conteúdo para obter um bom resultado. Não adianta ter metas pouco otimistas neste caso. O objetivo tem que ser alcançar a primeira página de buscadores como o Google.

Em contrapartida, o tráfego pago, como o próprio nome diz, necessita de um investimento direto, ou seja, o anúncio é pago e o resultado garantido. Isso é feito por meio de anúncios criados no Google Adwords, plataforma de anúncios do site de buscas.

Quando alguém buscar as palavras-chave pelas quais você pagou no anúncio escolhido, encontrará seu site na primeira página. Porém, mesmo estando garantida a visibilidade, você também precisa se preocupar com a qualidade do seu site e com o conteúdo apresentado, para não haver rejeição do público e seu investimento ter sido em vão.

Tráfego orgânico – como alcançamos esses números?

Como já te contamos anteriormente, o tráfego orgânico corresponde às visitas espontâneas às páginas da internet, independentemente de anúncios. Essas visitas que, normalmente, ocorrem por meio dos sites de pesquisa, principalmente o Google.

Aqui na Drac.co, nós acompanhamos todos os dados por meio do Google Analytics. Percebemos que, neste ano, tivemos um aumento considerável da nossa agência: conseguimos atender muito mais clientes, aprimoramos nossa qualidade e estamos com uma equipe muito mais bem estruturada.

Em 2021, já tivemos 16.853 acessos em nossos sites. 46% desses acessos foram nas páginas de conteúdo (blog e news), onde temos textos autorais e compartilhamos algumas notícias que consideramos relevantes ao nosso público. Isso quer dizer que quase metade das pessoas que conheceram a nossa marca vieram de mídia espontânea/tráfego orgânico.

Com esses dados já dá pra perceber a importância de não deixar de lado esse tipo de estratégia.

As 5 melhores ferramentas para se fazer tráfego pago

Hoje existem diversas plataformas de criação de anúncios que podem aumentar o tráfego de um site ou uma rede social.

Trouxemos 5 para te ajudar na hora de escolher:

  1. Google Ads: o antigo google adwords. É a plataforma de anúncios da Google e, por meio dela, que os anúncios aparecem nos resultados de busca do site. A principal vantagem dessa plataforma é a possibilidade de segmentação do público, por exemplo, para direcionar o seu anúncio para determinado local, gênero ou idade. Além disso, possibilita a realização de testes A/B.
  2. Youtube Ads: é a plataforma de anúncios do youtube, que permite a circulação de anúncios nessa rede social. O formato de anúncios em vídeo está super em alta.
  3. Instagram Ads: permite a criação de anúncios diretamente no Instagram. Anúncios de vídeo ou foto, tanto no feed, quanto stories e.reels.
  4. Taboola: o anúncio assume uma forma de conteúdo diferenciada. É uma plataforma nativa de anúncios – aqueles que se misturam com o conteúdo do site para não parecerem anúncios.
  5. LinkedIn Ads: quando o seu negócio é B2B, essa é a melhor opção. Você pode anunciar na barra lateral, (Text Ads) na timeline (Sponsored Content) ou mesmo como uma mensagem na caixa de entrada dos usuários (Sponsored InMail).

Agora é só começar a fazer os seus anúncios! Se precisar de ajuda, entre em contato com a gente! 

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

loader